Miúdas alegrias

Conheço a Renata há nove anos, quando comecei o blog. Ela, como eu, tem blog até hoje (mudou de endereço várias vezes) e eu sempre leio os posts dela. Nos útimos dias ela escreveu uma coisa com a qual eu me identifiquei muito (e não é a primeira vez). Ela falava sobre o casamento dela (não sobre isso exatamente, mas também sobre isso), e a definição que ela deu se encaixou perfeitamente com o que acontece aqui em casa, comigo e com o Zúnio.

[…] Nós conversamos muito e sobre tudo, mas de vez em quando, como hoje, falamos por um bom tempo e mais profundamente sobre os assuntos que nos intrigam. Como o mundo nos intriga sempre (nem sempre positivamente, mas quem se importa?), papo nunca vai faltar. E sabe que eu acho essa uma das melhores partes do casamento? Ter muita intimidade com alguém e uma boa dose de admiração deixa a relação assim: rica e espontânea. É o que temos e me orgulho muito disso.

Eu acho isso fundamental numa relação. Conversar, falar, ouvir, ter interesses em comum, rir junto, fazer o outro rir e, muito importante: estar sempre à vontade com o parceiro, sem cerimônias, sem fazer tipo; poder ser verdadeiro e espontâneo.

É claro que esse critério sozinho não define uma boa relação. Mas eu acredito, sim, que uma boa relação precise desses “ingredientes” – e sou muito feliz por viver uma relação que tenha isso com uma pessoa que pensa da mesma forma.

Anúncios

Uma resposta em “Miúdas alegrias

  1. Ah, que bacana saber que isso que é tão gostoso acontece aí também. Bom saber que mais gente é feliz nas relações que escolheu manter :*

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s